LORE: Quem é Mannimarco? [Alerta de Spoiler]

Nascido na ilha de Artaeum , Mannimarco era um aspirante e inteligente mago Altmer, o qual, juntamente com seu contemporâneo fundador da Mages Guild  Vanus Galerion , entrou na prestigiosa Ordem Psijic de místicos. Enquanto Vanus era uma boa pessoa,

 

Mannimarco foi descrito como possuindo um comportamento escuro, e isso o levou para o caminho da necromancia . Ele também é mencionado no livro Mannimarco, rei dos Vermes em The Elder Scrolls V: Skyrim

Um dos Five Companions , Mannimarco os enganou utilizando o Amulet of Kings em um ritual que começou a Soulburst (uma série de eventos no ano de 2E 578, quatro anos antes dos eventos de The Elder Scrolls Online), o que enfraqueceria fronteiras entre Nirn e Oblivion, suficiente para permitir que os seguidores de Molag Bal pudessem usar as “âncoras escuras” para tentar mesclar Nirn em Coldharbour em um evento conhecido como um Planemeld. Ele trabalha atualmente com o Chanceler do Elder Council, Abnur Tharn, com esse mesmo objetivo.

Na realidade, Mannimarco não tinha intenção de permanecer servo de Molag Bal; ele pretendia usar o Amulet of Kings para interceptar o príncipe Daedra e absorver a sua essência ao longo do tempo e eventualmente tomar o seu lugar como o Senhor da brutalidade e da dominação. Para este fim, ele exigiu o Amulet of Kings.

Após o ritual Soulburst, Sai Sahan fugiu da Cidade Imperial (onde o evento se iniciou com uma explosão arcana) com o Amuleto e o escondeu nas catacumbas de Sancre Tor .
Ele foi capturado pouco depois e encarcerado nas masmorras abaixo da Cidade Imperial. Após isso, Mannimarco concluiu que precisava de um lugar melhor para aprisionar o descendente de Yokuda, e mandou Sahan aos Salões do Tormento em Coldharbour, onde a Duquesa de Angústia o torturou mentalmente e fisicamente por anos. Durante este tempo, Mannimarco colocou um encanto em Sahan, que permitiria ver tudo que ele visse e o deixou escapar, permitindo que o Protagonista fosse capaz de resgatá-lo.

Mannimarco acabou por ser traído por Abnur Tharn, que foi resgatado do Castelo do Worm pelo Protagonista e Lyris Titanborn, os dois magos lutaram em um duelo mágico que Mannimarco perdeu quando o Protagonista atingiu-o por trás, quebrando sua concentração e permitindo-lhes escapar.

Durante a tortura de Sahan, Mannimarco tomou conhecimento de que Sai exigiria o Anel de Misericórdia de Stendarr para recuperar o Amuleto de seu esconderijo. O Rei dos Worms despachou uma Daedric Titan para a localização do anel, na Abadia de Blades em Hammerfell . O Protagonista, Lyris Titanborn, Abnur Tharn e Sai Sahan chegaram pouco depois e foram capazes de despachar o animal, embora não antes que destruiu a maior parte da abadia e matou a maioria dos estudantes. O líder da abadia, Kasura, havia escondido o anel nas catacumbas próximas que abrigava os restos dos ancestrais de Sai. Mannimarco apareceu nas catacumbas e ressuscitou os mortos em uma tentativa de parar o Protagonista, sem sucesso.

Mannimarco continuou a acompanhar os movimentos de Sai através de seu encantamento. Eventualmente, os cinco companheiros foram para Sancre Tor para recuperar o Amuleto, e do Rei dos Worms viajou para lá  e revelou seu plano que envolvia Molag Bal a eles, explicando que a proteção que Stendarr Sai colocou na câmara iria esconder o amuleto dos olhos de Molag Bal, até que estivesse pronto para ser usado. Mannimarco em seguida, tentou matá-los ressuscitando os mortos para atacá-los. O Protagonista foi capaz de enfrentar Mannimarco e matá-lo, mas seu espírito sobreviveu e jurou que a morte não o prenderia por muito tempo.

Naquele momento, Molag Bal apareceu em Sancre Tor e prendeu o espírito de Mannimarco, revelando que ele tinha conhecido de sua traição iminente e o arrastou aos gritos para Coldharbour. Lá ele foi torturado incessantemente por mortos-vivos na Heart’s Grief , o lugar do trono de Molag Bal em Coldharbour.

Quando os cinco companheiros (Five Companions) chegaram a Heart’s Grieef para realizar o ritual com o Amulet of Kings, eles encontraram Mannimarco magicamente acorrentado a uma mesa de pedra. Ao Protagonista é então dada a opção para libertá-lo ou deixá-lo no seu destino sombrio.

Se ele for libertado, Mannimarco desaparece de Coldharbour, ameaçando que as gerações futuras irão amaldiçoar o Protagonista por sua decisão.

0 0 vote
Avaliação Conteúdo
Subscribe
Notificar de
guest
5 Comentários
Recente
Antigo Mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Lucas
Lucas
3 anos atrás

isso ocorre em que jogo da serie?

LORD DOS NOBS
LORD DOS NOBS
3 anos atrás
Reply to  Lucas

eis que esse ***** aparece em 2 jogos da franquia :oblivion(4 jogo da franquia) aonde ele é posto como um necromante e aparece tb no daggerfall(2 jogo da franquia) aonde ele sera um npc que le dara umas 3 quest se não me engano nos 2 jogos ele ja faz parte de um culto que infelismente esqueci o nome.

boua sorte em sua jornada por conhecimento e poder meu jovem aventureiro

Frooke
Admin
3 anos atrás
Reply to  Lucas

no ESO

Jonathan
Jonathan
4 anos atrás

Foda! kkkk. Mannimarco e realmente uma figura muito interessante na franquia Elder scrolls, sempre aparecendo de alguma forma nos games da serie rsrs.

Frooke
Admin
4 anos atrás
Reply to  Jonathan

eu deixei ele sair vivo, quero ver a treta continuar kkkkk